Festival de Veneza 2010 – 6° dia

setembro 6, 2010

por Janaina Pereira, de Veneza

 

Se voce acha que estou aqui vendo celebridades e tomando sorvete todos os dias, grande engano: mal consigo ver o tapete vermelho, e hoje tive que acompanhar coletivas pela TV da sala de imprensa porque nao consegui comparecer pessoalmente. A correria esta enorme na reta final do Festival de Veneza.

Ben Affleck esta chegando, e outro Affleck de plantao, o Casey, deu o ar de sua graca com o filme sobre Joaquim Phoenix, I am still here. Sessao disputada para imprensa que me obrigou a navegar pelo canal antes das 7 horas da manha. Sentiu o glamour? Pois è.

Casey eu vou deixar para contar amanha, hoje vou comentar mais dos filmes. Essential Killing, Post Mortem e Meek”s Cutof foram os ultimos que vi. Comentei ontem da coletiva de Pablo Larrain, o diretor de Post Mortem, e que o filme dividiu a critica. Entao a minha opiniao è uma so: o melhor do Festival ate agora. Filme de narrativa peculiar, que conta com originalidade alguns dos detalhes mais sombrios da ditadura chilena – com direito a uma das cenas mais tocantes que ja vi em filmes historicos. E o novo Machuca dos chilenos, uma perola que lanca o jovem Larrain ao estrelato.

Em Meek”s Cutof , Michelle Williams parece entrar no pareo pelo premio de melhor atriz. O filme è cansativo, embora o tema masculino  – homens que carregam suas mulheres pelo deserto americano atras de agua – tenha sido dirigido com tomadas poeticas pela jovem diretora Kelly Reichardt. Alias, a juventude esta com tudo neste Festival, nao?

Essential Kiling, de Jerzy Skloamivoski, è surreal. Quase sem dialogos, vemos um arabe fugindo de americanos e passando por situacoes inacreditaveis. E ver para crer. Vicent Gallo – que viria ao Festival lancar um curta e um longa mas ate agora nao deu as caras – tem uma atuacao impecavel. O longa tambem esta na lista dos 24 filmes que concorrem ao Leao de Ouro.

Ah, e antes que eu me esqueca: Potiche é bacana, e Catherine Deneuve està divina como sempre, mas imperdivel é I am still here, o filme em que Casey Affleck tenta desvendar o misterio que levou Joaquim Phoenix a abandonar sua carreira de ator.  Espero que passe ai no Brasil em alguma mostra, porque é aquele tipo de historia que todo mundo tem que ver.

Por hoje è so, vou correndo para a sessao de Balada Triste de Trompeta. Amanha tem mais. Arrivederci.

 

Anúncios

Uma resposta to “Festival de Veneza 2010 – 6° dia”

  1. dulce said

    Accidenti!!! Incredibile…per Janaina Pereira, a Venezia!!!! Auguri!!!!! Bacio, Dulce

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: