Entrevista: equipe Jean Charles

junho 27, 2009

fotos junho 2009 121

Por Janaina Pereira

21 de julho de 2005. O mundo ficava chocado com o assassinato do brasileiro Jean Charles de Menezes pela polícia londrina, na estação de metrô Stockwell. Jean Charles, 27 anos, foi morto sob suspeita de ser um terrorista. Era engano. Quatro anos se passaram, o inquérito policial ainda está aberto e a história do jovem eletricista chega às telas pelas mãos do diretor Henrique Goldman. Em entrevista ao lado do produtor Carlos Nader, do roteirista Marcelo Starobinas e do elenco – Selton Mello, Vanessa Giácomo e Luis Miranda –, Goldman revelou que espera que seu filme ajude a prender os culpados.

“Tentou-se politizar o caso mas foi um crime comum, mataram um cara por engano. O filme não é político, ele apenas conta a vida de um imigrante brasileiro. E espero que ajude a solucionar o caso.”

Goldman disse ainda que a parte ficcional da história não interfere na realidade, e está ali para ajudar a contar o que aconteceu. “O espírito do filme permanece intacto. O objetivo é que o público se envolva com os personagens, por isso há alguns trechos que são ficção. Não quero, com este trabalho, lamentar o fato dos brasileiros irem para Londres fazer o que os europeus não fazem. Eu quero celebrar os brasileiros que vão para lá porque têm sonhos”, analisou.

fotos junho 2009 114

O ator Selton Mello, que interpreta Jean Charles, contou que não teve acesso a nenhuma imagem filmada de Jean, somente fotos, e não conheceu a família do eletricista. “Eu estava ali para contar a vida dele, não a morte. Não fui a Gonzaga e não falei com os pais dele. Procurei dentro de mim essa coisa caipira, porque também sou de uma cidade pequena e assim como Jean, quando vejo Londres, aquilo me assusta. Ele poderia ter sido glorificado no filme mas o Henrique não fez isso. Toda história merece ser contada e a de Jean Charles é sobre um cara comum, como qualquer um de nós.”

Ao contrário de Selton, Vanessa Giácomo visitou a cidade natal de Jean Charles e conheceu os pais dele, o que ajudou a atriz em sua interpretação. Sua personagem, Vivian, ela conheceu pessoalmente em Londres, quando foi filmar lá. “Não li o roteiro antes e confiei plenamente no Henrique para fazer o filme. Tive dois encontros com a Vivian e isso foi bom para interpretá-la como ela é.”

Já o ator Luis Miranda, que também conheceu seu personagem, Alex, em Londres, disse que procurou ser o mais fiel possível ao primo de Jean Charles, que ele considera uma figura única. Para ele, usar personagens reais na produção, como Patrícia Armani, prima de Jean, interpretando a si mesma, foi importante para a narrativa. “Sabíamos exatamente o que aconteceu porque os não-atores viveram aquilo.”

fotos junho 2009 095

Apesar de o filme ser uma parceira com a produtora inglesa Film Council, o produtor Carlos Nader garantiu que não houve problemas na edição do longa. “Eles davam palpites, mas era sempre positivo”, afirma. 

Para o roteirista Marcelo Starobinas, o mais difícil foi filmar a cena da morte de Jean Charles. Como o o caso continua tramitando na justiça inglesa, a equipe não podia ir além dos laudos policiais. “Fomos o mais genuínos possíveis, senão teríamos implicações legais.”

Starobinas ressaltou que o caso ainda tem grande repercussão na Inglaterra porque o país é extremamente civilizado, o que fez do assassinato de Jean Charles um escândalo. “No Brasil, tantos morrem por engano e não dão nem rodapé de jornal. Acho que vale a pena refletirmos sobre isso”, finalizou.

Jean Charles está em cartaz em circuito nacional e ainda não tem data prevista para estrear na Inglaterra.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: